1. Um mundinho chamado Praia do Rosa 😍 #LivingPlanet

     
  2. Feliz dia dos namorados, meu amor! Obrigada por ser um ótimo companheiro, por ser meu melhor amigo e por me depositar mais e mais energias positivas a cada dia!! Te amo te amo! #diadosnamorados #muitoamor

     
  3. 🐠🐙🐚 #worldoceansday #ocean #scubadiving #noronha (em Fernando de Noronha)

     
  4. #Rumi ✌️

     
  5. (Source: , via monarchyofdreamers)

     
  6.  
  7.  
  8.  
  9. Absolutely lovely

     
     
  10. (Source: flickr.com, via infinitesimalx)

     
  11.  
  12.  
  13. realitefilmes:

    Quer saber um pouco mais sobre as artes de Vik Muniz?

    Confira matéria da Realité Filmes sobre “Lixo Extraordinário” (fotos acima) e o site do artista com todo seu trabalho!

     
  14. (Source: herbal-kids, via 3chos)

     

  15. O lixo vira arte

    realitefilmes:

    image

    Lixo Extraordinário é um documentário que trata a essência do que buscamos na Realité Filmes: a realidade.

    De forma pura e impactante, o documentário de Lucy Walker mostra o dia a dia dos catadores de lixo no Jardim Gramacho, um dos maiores aterros sanitários do mundo, localizado no Rio de janeiro.

    O documentário, produzido em dois anos (2007-2009), acompanha Vik Muniz, um artista plástico brasileiro que nasceu em uma família pobre e que com seu trabalho conseguiu mudar sua vida e ganhar reconhecimento.

    Em Lixo Extraordinário, Vik Muniz transforma o lixo do Jardim Gramacho e seus personagens em arte - o artista plástico retratava em fotos os lixeiros e depois, usando objetos perdidos no lixão, Muniz construía desenhos ricos em detalhes.

    Seu principal objetivo é mostrar que assim como sua vida, o lixo que é algo que um dia pois desprezado, pode virar algo lindo, arte.

    image

    Cada personagem tem uma história para contar, tem um estilo de vida que muitos nem imaginam que pode existir. Tião, presidente da Associação dos Catadores do Aterro Metropolitano de Jardim Gramacho (ACMJG), retratado na arte acima, fala com muito orgulho de sua vida e profissão.

    O trabalhador se inspirou em livros de filósofos e políticos que encontrou no aterro para criar uma associação e organizar os trabalhadores. O sonho virou realidade e hoje existem centenas de associados.

    A alegria e entusiasmo de muitos em trabalhar no lixão é inspiradora. Mulheres se orgulham em trabalhar de forma digna e correta, ao invés de submeter-se à prostituição. Homens se orgulham em fazer parte de algo maior, algo que, de alguma forma, faça bem à sociedade mesmo que ela não reconheça ou simplesmente não tenha conhecimento.

    image

    A história de Vik Muniz e da ACMJG e seus associados, representa a força de vontade e a esperança de uma classe pobre e com poucos recursos básicos, dentro de uma das maiores cidades do Brasil. É uma realidade impressionante e um história que tem muito a ensinar.

    O artista plástico soube lidar e retratar tudo da melhor forma possível. Mostrou que por trás do lixo que jogamos fora em nossas casa, há trabalhadores e toda uma estrutura para organizar o que um dia foi rejeitado. Algo que damos pouco importância pode ser o fruto de esperança de alguém.

    O documentário é emocionante, vale a pena assistir. Para mais informações, é possível acessar o site da ACMJG ou o site do filme no Brasil. Também é possível assistir ao filme completo abaixo.

    Ficha técnica:

    Direção: Lucy Walker

    Codireção: João Jardim, Karen Harley

    Produção: Angus Aynsley, Hank Levine

    Coprodução: Peter Martin

    Tempo de duração:99 minutos

    Ano de produção: 2009

    Confira o filme completo:

    Texto: Letícia Moreira

    Imagens: Divulgação